Nos últimos 12 meses, 32% das empresas do Reino Unido identificaram um ataque de segurança cibernética, segundo dados da Pesquisa de Violações de Segurança Cibernética de 2019, publicada pelo governo do Reino Unido. A taxa é menor do que a registrada no ano anterior, de 43%

O relatório alerta para dois riscos dessa diminuição:

1. Embora isso possa sugerir que menos empresas estão relatando violações, há a possibilidade de que os invasores estejam mudando seu comportamento, concentrando os ataques em uma faixa restrita de negócios.

2. Outra possibilidade é que a introdução do Regulamento Geral de Proteção de Dados (GDPR) pode ter mudado o que as empresas consideram violação ou levado algumas a estarem ‘menos dispostas a admitir violações de segurança’.

3. O que mais preocupa, segundo o relatório, é a baixa atenção que as empresas dispensam com o assunto: em média, elas gastam apenas dois por cento dos orçamentos de TI com a segurança.

Por aqui, a coisa não é diferente. Na semana passada mesmo, o Conselho Nacional de Justiça (CNJ) sofreu um vazamento de dados, que deixou expostos mais de 6 mil nomes, números de contas bancárias, telefones, CPFs e senhas.

A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD), que passará a valer a partir de fevereiro de 2020, deve ajudar os usuários: já que determina regras para a proteção de informações pessoais. Mas as empresas precisam estar preparadas!

Sobre a CS IT Consulting

Com mais de 10 anos de experiência no mercado, a CS IT Consulting leva a seus clientes do mundo todo um atendimento diferenciado em TI e soluções corporativas em nuvem, que vão da análise de viabilidade e planejamento ao gerenciamento completo e governança da solução.

A CS IT Consulting oferece compliance com as leis de proteção de dados em todas as suas soluções para garantir a segurança dos dados da sua empresa.